25 de agosto de 2009

Emoção x Razão - um clássico


Sempre pelo Twitter, Alexandre Kalil manda um recado para a torcida: Tardelli Fica, apesar da investida do Saint-Ettiene da França. O presidente deve estar orgulhoso da própria bravata.
Na Toca da Raposa, Zezé Perrella fala pra quem quiser escutar: uma boa oferta , capaz de fazer brilhar seus olhinhos miúdos, vai levar o ídolo da torcida. O caminho de Kléber deve ser o Porto de Portugal.


Racional Perrela.
Emocional Kalil.

Quem está certo nesta história, torcedor mineiro ?


Corte

Uma pesquisa da Casual Auditores Independentes mostra que a venda de jogadores ainda é a principal fonte de receita dos grandes clubes de futebol do Brasil (28% do total, a bilheteria está em último com 11% - os dados são de 2008)
A mesma pesquisa mostra que o Atlético fechou 2008 no vermelho, 36 milhões de reais negativos. O Cruzeiro também fechou no vermelho, 17 milhões negativos. mas investiu muito no futebol.

Corte.

em 2009, o Cruzeiro apostou na conquista da Taça libertadores. Montou um time para isso. Fez tudo como o planejado. ninguém duvidava do sucesso da empreitada. Mas por um detalhe, um jogo mal jogado, deu errado... o ano estava perdido. E agora sem sonhar com título a diretoria pensa em orçamento. Ano que vem tem mais. Kléber é um bom jogador mas, mais do que isso, é um grande negócio.

Já o Atlético montou um time para disputar o campeonato brasileiro, não o título. Deu sorte, chegou à liderança, mas perdeu o fôlego e está vendo a bola de seu artilheiro Tardelli esvaziando aos poucos. Mas o clube perdeu a chance de vendê-lo na alta, oxigenado temporariamente pela convocação para a seleção.

Tardelli fica. Kléber vai.
Quem está certo nesta história torcedor mineiro ?

Um comentário:

  1. evandro carvalho26/08/2009 22:01

    em qualquer negócio,a razão supera a paixão;por isso elas são raposas.

    ResponderExcluir