19 de agosto de 2009

O Humilde


Hélio dos Anjos abandonou o jeito falastrão e foi de uma humildade de dar inveja a monge tibetano numa entrevista ao programa Arena do SporTV, nessa última terça-feira. Se vivo, Nelson Rodrigues diria que o técnico do Goiás parecia um personagem de Dickens, repetindo a cada esquina : "Eu sou humilde, sou o sujeito mais humilde do mundo" . Só faltou pedir desculpas pelo fato do seu time ser o segundo colocado do Campeonato Brasileiro e não o Corinthians ou Flamengo.
Entre outras coisas, disse que não vende a alma para trabalhar em time grande. Ou seja, o time onde ele trabalha não é grande. A gente já sabia disso, mas vindo da boca do próprio treinador
soa estranho.
Já antevejo a queda do Goiás, por excesso de humildade.
Quer um exemplo de time humilde: o Atlético, quando enfrentou o Flamengo no Maracanã. Fez um a zero no começo do jogo e achou que isso era uma afronta sem tamanho já que do outro lado estava ninguém mais ninguém menos do que o Flamengo. O restante da história todo mundo sabe.
Acusam o Cruzeiro de falta de humildade na final da Libertadores. Também acho o Cruzeiro um time pouco humilde, assim como o São Paulo e o Corinthians. Coincidência ou não, são os times que estão conquistando os títulos.

Um comentário:

  1. legal é isso ai nem li mais é isso mesmo...

    ResponderExcluir